Blog

A influência da mente na performance do esportista

A carreira de altos e baixos do jogador Adriano Imperador é um dos exemplos mais expressivos de influência do estado mental no desempenho esportivo. Imagem: Globo.com

Para toda e qualquer prática de atividade física, desde o nível amador até o alto rendimento, é essencial que o esportista receba a mais completa assistência em saúde física e também mental. O psiquiatra do esporte nasce sob uma perspectiva de atuação inovadora, mudando os paradigmas, provendo o cuidado médico especializado em saúde mental para a população de atletas desde a prevenção, buscando a otimização do desempenho e melhor qualidade de vida.

Estudos vêm comprovando cada vez mais a influência do componente psíquico sobre a performance. Atletas mentalmente bem preparados são capazes de direcionar melhor seu foco e atenção, regular seu sono e energia e se prevenir de lesões. Até mesmo no que diz respeito ao retorno às atividades após período de afastamento, levantamentos apontam que esportistas que receberam acompanhamento adequado em saúde mental, possuem tempo de recuperação mais rápido e retorno às atividades de maneira mais consistente e satisfatória para ele mesmo.

O técnico Bernardinho: emoções a flor da pele.

MÉTODOS DA PREPARAÇÃO MENTAL

Inúmeros fatores e aspectos treináveis são trabalhados pela Psiquiatria do Esporte para que os atletas alcancem seu melhor desempenho. Por meio da preparação mental ou treinamento das habilidades mentais, o esportista é ensinado a:
– Estabelecer rotinas pré-competição individualizadas: gestos, repetições ou rituais positivos antes de performar;

– Executar técnicas de respiração e relaxamento para reduzir a ansiedade, permitir que encontre seu nível de ativação ideal e até auxiliar no sono;

– Realizar o diálogo interior positivo, evitando que pensamentos e auto-contestações negativas invadam seu campo da consciência e deteriorem seu desempenho.

OBSTÁCULOS A SEREM VENCIDOS

É comum que o atleta/praticante de exercícios venha a apresentar dificuldades de alcançar uma determinada marca, tempo ou objetivo, mesmo com a sensação de estar na sua plenitude física, podendo render mais. Isso pode acontecer por inúmeros fatores, sobretudo quando o preparo mental não está adequado.

Neymar tem suas emoções julgadas pelo mundo inteiro nos maus momentos…
… e celebrada nos bons momentos.

 

Para se alcançar o melhor desempenho, é imperativo que o “circuito mente sã em um corpo são” esteja saudável.

Mais do que isso, é essencial que o esportista tenha um domínio sobre seus pensamentos e emoções, impedindo que auto contestações ou crenças negativas invadam seu campo da consciência e deteriorem a performance.

Diferentes abordagens específicas em saúde mental, como as técnicas de respiração e relaxamento, mindfulness (atenção plena), a criação de rotinas pré-competições/pré-treinos e o estabelecimento de metas com revisão de resultados, podem ser ensinadas para atletas com a finalidade de otimizarem o rendimento e consequentemente proporcionar maior satisfação com o esporte.

Dr Helio Fádel
Psiquiatra Esportivo
Pro Sport